Destaques

Newsletter

15 março 2011

Resenha: A Menina que não sabia ler

                                                     

1891. Nova Inglaterra. Em uma distante e escura mansão, onde nada é o que parece, a pequena Florence é negligenciada pelo seu tutor e tio. Guardada como um brinquedo, a menina passa seus dias perambulando pelos corredores e inventando histórias que conta a si mesma, em uma rotina tediosa e desinteressante. Até que um dia Florence encontra a biblioteca proibida da mansão. E passa a devorar os livros em segredo. Mas existem mistérios naquela casa que jamais deveriam ser revelados. Quem eram seus pais? Por que Florence sonha sempre com uma misteriosa mulher ameaçando Giles, seu irmão caçula? O que esconde a Srta. Taylor? E por que o tio a proibiu de ler? Florence precisa reunir todas as pistas possíveis e encontrar respostas que ajudem a defender seu irmão e preservar sua paixão secreta pelos livros - únicos companheiros e confidentes - antes que alguém descubra quem ousou abrir as portas do mundo literário. Ou será que tudo isso não seria somente delírios de uma jovem com muita imaginação?


            
Logo que vi este livro fiquei encantada com a capa , logo comprei, comecei a ler e não parei mais!!!

É uma leitura muito boa, prende a atenção e queria logo saber o que iria acontecer em cada capítulo! O que ajuda na leitura são os capítulos curtos, isso faz com que tenhamos vontade cada vez mais de ler.
O livro conta a história de Florence uma menina de 12 anos e seu irmão Giles sustentados pelo tio que nunca viram. Eles moram numa mansão cheia de mistérios e é andando pelos corredores desta mansão que descobre uma biblioteca escondida.

Seu tio a proíbe de aprender a ler pois para ele as mulheres tem que saber fazer os afazeres da casa ao contrário o seu irmão é mandado para uma escola para aprender a ler e estudar. Ela começa a ir escondida na biblioteca e aos poucos sozinha começa a ler, ninguém sabe somente seu irmão Giles fica sabendo. Florence tem apenas uma amigo o Theo e ele que no decorrer da história a ajuda a desvendar alguns mistérios.

A preceptora a Srta Whitalker morre misteriosamente, logo contratam outra a Srta Taylor e ai começa todos os mistérios, pois Florence começa a pensar que é a primeira preceptora encarnada na Srta Taylor, ela começa a ver coisas, fantasmas e ao mesmo tempo quer descobrir a respeito de seus pais, sobre seu tio que nunca viu e porque ele a proíbe de ler.

Afinal quem é essa mulher Srta Taylor? O que será que acontece com Florence? Não irei contar senão perde a graça, mas vale apena ler, e irá se surpreender com o final desta história. Eu adorei, mas confesso que me surpreendi com algumas atitudes da Florence.

  Para quem gosta de ficção aí esta uma ótima indicação!!!

Comentários via Facebook

1 comentários:

  1. Adooro ficção! :o quero ler!

    A capa dele é tãaaao linda! ^^

    Beijos e ótima resenha!

    Bia | www.livroseatitudes.blogspot.com

    ResponderExcluir

Não esqueça de deixar seu comentário!

Instagram

© Diário de Incentivo à Leitura – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in