Categorias:


Olá, meus queridos!! Tudo bem?!

E hoje mais uma resenha, de um livro emocionante!!


Por Favor Cuide da Mamãe

 Sinopse

Park So-nyo, 69 anos, mãe de cinco filhos, desapareceu. Ao chegar a Seul para visitá-los, saindo de sua aldeia com o marido, com quem é casada há mais de 50 anos, ela é deixada para trás em meio à multidão em uma plataforma da estação de metrô. Como fez a vida toda, ele simplesmente supôs que a esposa o seguia. Essa é a última vez em que Park é vista. Começa então a procura, liderada pelos filhos e o marido, que se transforma em uma exploração emocional repleta de remorso e marcada pela triste descoberta de uma mulher que ninguém nunca conheceu. Narrado pelas vozes de uma filha, de um filho, do marido e da própria mulher desaparecida, Por favor, cuide da Mamãe é, ao mesmo tempo, um retrato da Coreia do Sul contemporânea e uma história universal sobre família e amor. 

Minha Opinião

  Como a sinopse praticamente em forma de resumo conta a história, só irei falar o que eu achei do livro.
  Bem, eu me interessei pelo livro através de uma resenha que eu li em um blog, e semana passada quando vi o livro na livraria me senti obrigada a comprar e ler logo. 
  Falando da parte física do livro, eu amei a capa, é muito linda e junto com o título acho ela muito expressiva. Adorei as cores escolhidas na ilustração. As páginas são folhas amarelas, diagramação simples e o livro divido em 5 capítulos, cada capítulo é um dos filhos ou o marido tendo memórias da Mãe que sumiu.
  Falando mais diretamente da história, confesso que achei o livro triste. Ele me fez refletir, pensar sobre a vida e até me fez lembrar situações parecidas que já vivi, mas no geral tive momentos de quase uma depressão pela leitura, posso estar exagerando, mas achei triste mesmo.
   A cada capítulo, os filhos ou o marido narram lembranças vividas com a mãe, momentos que se arrependem de não terem feito coisas para ela, e hoje simplesmente ela não está entre eles. Também o livro retrata, algo que achei forte, parece que na história a família não conhecia a própria mãe ou esposa, como por exemplo seus gostos, que ela não sabia ler e que até pediu para uma estranha ler para ela o livro de sua filha escritora. Isso até me fez pensar: "Será que eu conheço minha mãe? 
  Tive momentos na leitura, que me colocava no lugar dos personagens, e acho que foi isso que me fez sofrer junto com eles. Mas não conseguia me ver sem minha mãe, ou imaginar que ela havia sumido, isso me apavorava a cada vez que eu pensava!
  Bem, o livro é emocionante, apesar de meus momentos depressivos, a leitura foi boa, fluiu super bem, acho que minha expectativa foi alcaçanda ao lê-lo, e eu recomendo essa leitura.




Já está participando da promoção Jane Austen? Se comentou neste post, preencha mais uma vez o 

 Beijinhos!
Nessa*

16 Comentários

  1. Nossa, Vanessa! Esse livro deve ter te tocado mesmo, amei a resenha. Dá pra perceber que tu realmente se emocionou com ele. Pra mim foi a tua melhor resenha até hoje! :D

    Adorei o livro, fiquei curiosa!

    Um beijo!

    ResponderExcluir
  2. Um livro arrebatador pelo que pude perceber, uma história daquelas que fazem você pensar nas injustiças do mundo e das pessoas, eu ja queria ler antes mas tenha certeza de que minha vontade aumentou agora com a sua opinião, eu gosto de livros fortes e com temas humanitários.

    Vanessa - Balaio

    ResponderExcluir
  3. Oie Nessa!
    Eu acho que qualquer história que fale de mãe meche com a gente. Pq toda mãe é única e é essencial em nossas vidas. A gente briga, a gente diz tanta coisa, mas quem tem/teve mãe sabe como ela é essencial e eu não sei o que seria da minha vida sem a minha.
    Pelo que vi, a gente acaba se colocando no lugar dos personagens... é, isso provavelmente nos faz chorar.
    Gostei da história, achei interessante. Mas não tô em um momento mto tranquilo da vida pra ler um livro emocionalmente forte, como acho que esse é.
    Mas tá na lista!
    Beijos

    Danni
    Garotas e Livros

    ResponderExcluir
  4. Oi Nessa
    gostou do livro né? ele é realmente maravilhoso. Realmente ele nos deixa um pouco triste, mas é bom para fazer uma reflexão e mudar as nossas atitudes enquanto nossas mães ainda estão aqui conosco.Toda vez que vejo o livro na estante fico com uma vontade enorme de abraçar minha mãe.
    Amei sua resenha
    bjos

    ResponderExcluir
  5. Quero muito ler esse livro,mas ainda não consegui passar ele na frente dos demais.A história é muito triste,bem do jeito que eu gosto.Vou amar esse livro!
    Ótima resenha,amiga!
    Zilda Mara
    Cachola Literária

    ResponderExcluir
  6. A capa desse livro é um primor *.*
    Tenho muita vontade de lê-lo e depois da sua resenha, me deu mais vontade ainda. Deve realmente ser algo bem emocionante e apavorante pensar em nossa mãe perdida e tal.
    Bj!

    -Amigas Entre Livros-

    ResponderExcluir
  7. Oi*
    Esta é a 2° resenha que leio deste livro e já estou apaixonada por ele. Quero muito ler...
    Ótima resenha...
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. OMG que livro mais lindo!Amei a sua resenha flor parabéns!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. não parece ser o tipo de livros que eu gosto, para falar a verdade quanto mais alegre o livro melhor, mas adorei a resenha :)

    ResponderExcluir
  10. Nessa enquanto lia sua resenha pensava sobre suas palavras e a minha mãe. Sabe eu não vejo um mundo feliz sem que ela exista e também acho que jamais irei conhecê-la totalmente, pois nem eu me conheço totalmente. O que posso assegurar é que sempre que desejo digo o que sinto pra ela, lhe dou carinho e penso com amor sempre que lembro dela, digo eu te amo quando sinto que devo dizer e fico arrasada quando ela esta triste. Tento fazer o melhor e aconselha-la com os percalços do caminho e que ela seja feliz. Mãe sempre tem suas inseguranças também por mais que a achemos fortes e batalhadoras elas são mulheres como nós, humanas e passiveis de erros. De repente seja isso que torne nosso amor incondicional por elas, porque por mais que errem, acertem, briguem ou façam qualquer coisa estaremos sempre ao seu lado e a defendendo com unhas e dentes porque somos parte dela. Essa leitura pode ter sido depressiva e triste, mas ela deve deixar o leitor com um sentimento único que devemos prezar nossa mãe enquanto podemos demonstrar nosso amor.
    Beijokas Elis!!!!!!

    ResponderExcluir
  11. PRECISO DESTE LIVRO AGORA!!!!

    Adorei a resenha!

    ResponderExcluir
  12. Oie amiga :)
    Me interessei por esse livro.
    Não me vejo sem minhã mãe de forma alguma ela é meu tudo!
    Quero ler esse livro, não sei se é o momento, rsrsr.
    Gostei da capa também.
    Bjs

    ResponderExcluir
  13. Nessa esse livro parece ser lindo!
    Fiquei muito interessada em ler, porém agora não é um momento apropriado pois estou no meu momento de romances ;p
    Adorei a sua resenha.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  14. Boa noite Vanessa,

    Gosto de tudo nesse livro desde a capa até a sinopse, agora com a sua resenha estou ainda mais curioso...abçs.


    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Queria muito ler esse livro, mas desde que li uma resenha sobre ele decidi não ler. Não porque o livro seja ruim, mas por não ter estrutura emocional para esse tipo de leitura.

    Beijos
    Leitora Incomum

    ResponderExcluir
  16. Esse tipo de livro nos faz refletir muito sobre a nossa vida. Sempre digo que um autor para escrever algo tão profundo tem que ser realmente bom ou ter vivido algo semelhante.

    ResponderExcluir

Não esqueça de deixar seu comentário!