Olá,

  Hoje indico o livro O Garoto no Convés do autor John Boyne, mesmo autor do aclamado livro O Menino do Pijama Listrado, confesso que é uns dos meus autores favoritos, nesse livro o autor nos leva a navegar junto com os personagens em alto mar, fazendo sentir a emoção, nervossismo e contratempos que ocorrem durante a grande aventura em busca do objetivo, além é claro de um belo romance, livro mais do que recomendado.

Sinopse
Em abril de 1789, semanas após concluir no Taiti uma curiosa missão com fins botânicos - coletar mudas de fruta-pão para alimentar os escravos nas colônias inglesas -, o navio de guerra britânico HMS Bounty foi palco de uma revolta de parte da tripulação contra o capitão William Bligh, que acabou deixado à própria sorte em um bote em alto-mar junto com os marinheiros ainda fiéis a seu comando. Sem provisões e instrumentos de navegação adequados, o grupo enfrentou 48 dias de duras provações até alcançar a costa do Timor. O episódio inspirou numerosos livros e filmes.
Neste livro, a história da expedição é narrada do ponto de vista de John Jacob Turnstile, um garoto de Porstmouth, sul da Inglaterra, que sofre abusos de toda sorte, inclusive sexuais, no orfanato e pratica pequenos furtos nas ruas da cidade. Detido pela polícia após roubar um relógio, é salvo pela própria vítima do roubo quando esta lhe faz uma proposta: em vez de ficar encarcerado, embarcaria no HMS Bounty para passar pelo menos dezoito meses como criado particular do respeitado capitão Bligh. Turnstile aceita a barganha, planejando fugir na primeira oportunidade. Mas a rígida disciplina da vida no mar e uma relação cada vez mais leal com o capitão transformarão sua vida para sempre. É pela voz desse adolescente insolente e sagaz, mas ao mesmo tempo frágil e ingênuo, que o leitor acompanhará uma viagem repleta de intrigas, tempestades instransponíveis, cenários exóticos e lições de lealdade, paixão e sobrevivência.
O autor acrescenta novos dados e interpretações a uma história até hoje misteriosa. Sugere, por exemplo, que a receptividade sexual das nativas do Taiti pode estar na origem da insatisfação que resultou no motim. Seduzidos - ou, no caso de Turnstile, iniciados - por elas, os marujos teriam considerado intolerável a idéia de retornar para casa, o que os colocou em linha de colisão com o capitão. 


  Se alguém não se lembra de John Boyne, irei refrescar a memória neste exato momento; quem não se lembra do excelente livro “O Menino do Pijama Listrado”? Agora estão lembrados? Pois bem “O Garoto no Convés” é mais um extraordinário livro deste autor.
  O livro conta a história de John Jacob Turnstille (Tutu como era chamado pelos marujos), um garoto de 14 anos que depois de ter tentado roubar um relógio de um fidalgo francês, foi condenado por isso e assim obrigado a embarca sem opção no navio chamado Bounty; no qual era comandado pelo Capitão William Bligh. Embarcando nesta viagem que Tutu, inocente em muitas coisas e terrivelmente vivido em outras, que não teve família, vivia na rua e que fora abusado do seu caráter, integridade e da sua infância; esperava fugir na primeira oportunidade que surgisse, mas não imaginava que esta maravilhosa aventura marítima mudaria para sempre a sua vida.
  Esse livro faz você viajar junto com Tutu a bordo do navio e a tornar-se um marinheiro, sentido o mar, o vento e a água salgada na cara, imaginando as ilhas, acompanhando cada acontecimento e sofrendo com ele em diversos momentos como se você estivesse naquele convés torcendo para chegar logo ao seu destino.
  O Garoto no Convés mostra um garoto que tinha tudo para continuar a cometer roubos e furtos, mas que fez as escolhas certas. Um garoto que não era nada e acabou amadurecendo em meio a pessoas que o ajudaram a se transformar e a crescer no meio de toda a tormenta.
  É um livro indispensável para aquele que gosta de uma excelente leitura, empolgante e simplesmente fascinante, no qual te prende desde a primeira até a última página e mostra como John Boyne é um excelente escritor.


Espero que gostem!!



Abraços!
Marco Antonio*



8 Comentários

  1. Oi, tudo bem,

    Ainda não li (nem vi o filme) O Menino do Pijama Listrado, acredita? Estou louca para lê-lo, mas até agora não tive a oportunidade. O Garoto do Convés parece ser também um ótimo livro do autor, fiquei curiosa para ler.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Oi Marco!
    Eu já li o livro "O menino do pijama listrado" e agora fiquei bem curiosa para ler este, parece ser emocionante!!

    Bjus*

    ResponderExcluir
  3. Oi. Gosto do fato desse livro e "O Menino do Pijama Listrado" terem uma certa semelhança nas capas, mesmo não sendo parecidos quanto à história. Deve ficar bonito na estante...

    Bom, livros com marinheiros, navios, água salgada, viagens marítimas são bons às vezes e fiquei com vontade de lê-lo.

    Anna
    http://castanhadechocolate.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oie Marco e Nessa
    ainda não li nada do autor,mas sempre morride curiosidade, ainda mais depois que uma blogueira disse que chorou muito lendo O menino do pijama listrado.
    Amei a dica.
    bjos

    ResponderExcluir
  5. Marco, que dica bacana, acredita que não li ainda o menino de pijama listrado? tanto ele quanto esse já estão na minha lista para leitura.
    Quero me empolgar como você.

    ResponderExcluir
  6. Oi!!
    O layout do blog ficou lindo!!!
    Quanto ao livro, sempre tive vontade de ler algo do autor, mas meu gênero favorito não me dá tempopra ler outras coisas..

    Beijokas
    Amanda
    leiturahot.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Ei Vanessa e Marco, ainda não li algum livro do autor, mas sempre vejo elogios à obra desse escritor. Espero poder ler os dois livros citados, parecem muito bons.

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Boa noite pessoal e boa noite Vanessa,

    Fico feliz que tenham gostado da dica dessa semana e se tiverem oportunidade não deixem de ler as obras desse autor...abçs.

    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Não esqueça de deixar seu comentário!