Categorias:



Oi pessoal!

Já faz algum tempo que eu li este livro, acho que foi no fim do ano passado, e hoje venho dizer o que eu achei dele.


Corajosos

Sinopse:

Como policiais, Adam, Shane, Nathan e David enfrentam bravamente gangues violentas e o tráfico de drogas na cidade de Albany. No entanto, o maior desafio de sua vida não está nas ruas, mas dentro de casa. A relação de cada um desses homens com a esposa e os filhos está ruindo, mas nenhum deles faz nada para resolver a situação. Apenas quando uma tragédia se abate sobre Adam é que eles percebem que precisam mudar seu comportamento e reconquistar a confiança de suas famílias. Com a fé abalada, Adam começa a estudar a Bíblia para descobrir o que Deus espera dele como pai e o que deve fazer para se tornar uma pessoa melhor. Assim, descobre nas palavras de Jesus a sua verdadeira missão: deixar um legado positivo para seu filho e ajudar outros pais a colocar a família em primeiro lugar. Tocado por esse aprendizado, Adam inspira seus amigos a assinar um documento comprometendo-se a ser pais e maridos mais presentes. A “Resolução” acaba tomando uma proporção maior do que o imaginado e se tornando um valioso instrumento para transformar centenas de vidas. Baseado no filme homônimo de Alex e Stephen Kendrick, Corajosos mostra como a relação com os pais pode marcar profundamente – para o bem ou para o mal – a vida de uma pessoa.

Quando o livro foi lançado de cara fiquei louca para ler, esta capa e tudo o mais me chamaram muita atenção.
  Vocês prestaram atenção que abaixo de cada policial tem uma foto deles com suas famílias? Eu achei genial esta capa, adorei.
  Minha relação com este livro foi de leitura intensa, uma história que nos envolve, faz pensar e refletir sobre a vida e tem um toque de religiosidade, isso não foi problema para mim.
  O livro em si conta a história dos policiais Adam, Shane, Nathan e David, relatando como é suas vidas no trabalho, as dificuldades encontradas diante do perigo, e um paralelo com suas vidas na família. 
  O foco maior está em Adam que é casado, tem dois filhos o Dylan o filho que ele tem menos contato e a Emily a filha mais nova que ele dá mais atenção. É depois de uma tragédia na sua família que ele começa a pensar na importância de ser pai e a partir daí a história fica boa e emocionante.



"O trabalho de policial não era fácil. Mas ser marido e pai parecia ser ainda mais difícil." (pag. 15).


  Mas a ênfase principal do livro está na figura do pai, a importância da presença do pai na família. Me parece até que este livro foi escrito para os homens lerem, por que a mensagem é essa, um líder na família que luta pela família.

  O livro passa uma mensagem incrível e vale a pena ser lido. Foi uns dos melhores livros que eu já li. Me fez pensar muito sobre a imagem do meu pai e até mesmo me fez lembrar de momentos da minha infância, até os dias de hoje. Ainda mais Eu que sempre fui muito a pegada ao meu pai, confesso que o livro me deixou emocionada.




Não sei se vocês sabem, bem eu não sabia até ler ao livro, que essa história foi baseada em um filme, confira:



Sinopse: 

Diariamente, Adam Mitchel (Alex Kendrick) e Nathan Hayes (Ken Bevel) enfrentam desafios variados por conta da profissão que escolheram: policiais. No entanto, outra rotina os desafia, mas a tarefa de pai dessa dupla não está preparada. Seus filhos estão ficando cada vez mais distantes e, apesar do sucesso de Adam e Nathan em cuidar da sociedade, eles não sabem como tomar conta das pessoas por quem mais tem afeto e que mais precisam deles.
O filme é a história de quatro policiais que têm a vocação de servir e proteger. Eles enfrentam o perigo todos os dias. Porém, quando a tragédia acontece perto de suas casa, esses pais lutam com suas esperanças, medos e fé. Essa luta trará uma decisão que poderá mudar tudo em suas vidas.

Duração: 129min
Lançamento: 2011
Drama


Alguém já assistiu ao filme?

Espero que tenham gostado!



Beijinhos*


7 Comentários

  1. Nessa, se não fosse você mencionar o detalhe das famílias na capa eu nem teria reparado... Isto com certeza fez a capa ficar muito mais bonita!

    Beijos, Vanessa - Blog do Balaio

    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Acho essa capa tão bem projetada para a história reservada nas páginas desse livro. Isso tudo só aumenta minha curiosidade para lê-lo.

    Adorei as resenhas e os detalhes.

    Um beijão,
    Pronome Interrogativo.
    www.pronomeinterrogativo.com.br

    ResponderExcluir
  3. Ameeeei a resenha, parabéns!!!

    Beijos,
    www.estanteseletiva.com

    ResponderExcluir
  4. Nessa, eu acho que ainda não havia reparado no detalhe das famílias, sem dúvidas deixou a capa ainda mais bela. Ainda não havia lido comentários sobre "Corajosos", mas achei realmente curioso!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Eu quero ler o livro e então assistir ao filme! Parece ser ótimo!
    Beijo,
    Vinícius - Livros e Rabiscos

    ResponderExcluir
  6. OLá Vanessa,

    Já vi alguns comentários sobre esse livro mas não tinha despertado interesse até ler a sua resenha...boa dica...abçs.


    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Eu quero muito ler este livro, mas eu ainda não tinha me tocado no detalhe da capa e adorei.
    Gosto de historias familiares e achei diferente o livro falar do pai. Pq normalmente é sempre a mão que leva a família nas costas.
    Adorei.
    Beijos,
    Katielle

    ResponderExcluir

Não esqueça de deixar seu comentário!