O chamado selvagem



Autor: Jack London

Editora: Dracaena

Número de páginas: 116

Sinopse

"Buck vivia tranqüilamente no sítio do juiz Miller, no vale da Santa Clara, na Califórnia. Filho de um são bernardo com uma pastora escocesa, ele era um cão imponente, com músculos firmes, pêlos quentes e compridos. Entretanto, não fazia nada além de passear pelos vales, acompanhando os netos de seu dono. Até que um dia, Buck foi roubado e vendido a exploradores de ouro que partiam para uma aventura pelo Alasca. A partir daí, sua vida sofreu uma reviravolta e ele foi obrigado a trabalhar duro, num ambiente inóspito. O que seus novos donos não esperavam era que, ao adaptar-se à nova realidade, Buck começava a fazer parte dela e a descobrir sua verdadeira natureza. "

Minha opinião:


Quando escolhi este livro para ser lido, imaginei que se tratava de um personagem humano e que tivesse um cachorro ou lobo como companheiro e que assim se desenrolasse a história. Mas o que me deixou bem surpresa e de certa forma ajudou a me conquistar foi o fato do livro se tratar da vida de um cachorro, o Buck.


Buck tinha uma vida super boa no início do livro até o dia que foi roubado e vendido para donos que fizeram ele trabalhar como nunca tinha feito na vida. Se acostumar com a neve foi o primeiro desafio de Buck. Com o passar do tempo Buck foi passado para outros donos, alguns foram rígidos mas justos, outros foram cruéis, até que Buck conheceu um dono amigo, alguém que o defendeu em uma situação limite, alguém que o amava.


O livro é emoção do início ao fim, fiquei com o coração partido em muitas partes do livro, e me emocionei em outras mais. Depois que terminei de ler o livro eu corri para meu cocker lindo e me abracei nele feliz por ele ser tão cuidado e amado mas também fiquei de coração partido em imaginar que outros cães não tem a mesma sorte. Sim, a história deste livro me fez pensar nos vários cães abandonados que existem, em bichinhos que sofrem, que lutam pela sobrevivência.


Deu para perceber que Buck toca no coração de quem lê. Livro emocionante, livro lindo. Você que gosta de bichinhos leia e se emocione.
 
Beijos*
Fernanda Rocha*

6 Comentários

  1. Olá Fernanda e Vanessa,

    Gostei da dica dessa semana e creio que já li esse livro na minha infância...achei demais...abraços.


    http://devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Nossa, faz três anos que tenho esse livro e nunca me deu vontade de ler!! Já li algumas páginas mas sempre parava, boa dia, fiquei realmente curiosa, uma chance de dar oportunidade a aquelas livros encalhados da estante!!

    Beijos - Garota das Letras

    ResponderExcluir
  3. Olá Fernanda. Já tinha visto esse livro em vários blogs, mas nunca parei para me aprofundar mais a respeito dele. Tenho certeza que se porventura vier a lê-lo, assim como você, irei me emocionar bastante. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Fê!
    Já vi varias resenhas deste livro, mas ele nunca chamou muito a minha atenção.
    Mas depois de ler sua resenha acho que daria uma chance a ele.

    Beijos*

    ResponderExcluir
  5. Oi Fernanda.
    Tenho muita vontade de ler esse livro, me parece ser uma história simples, inteligente e emocionante. Espero poder lê-lo algum dia.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Que bom que gostaram pessoal, realmente é bom demais!

    ResponderExcluir

Não esqueça de deixar seu comentário!