Categorias:


Oi meu queridos! Tudo certinho?

Aqui em POA a chuva não pára e está aquele frio que só da vontade de ficar na cama lendo (risos) isso dá uma preguiça, que nossaaa! Não dá vontade de fazer nada, não é mesmo? Mas a semana começa, trabalho, estudo, e hoje eu trago mais uma resenha de um livro ótimo, favoriteii, vamos lá!


Fiquei com o seu número
 Sophie Kinsella
Fiquei com o seu número
 Sinopse

A jovem Poppy Wyatt está prestes a se casar com o homem perfeito e não podia estar mais feliz... Até que, numa bela tarde, ela não só perde o anel de noivado (que está na família do noivo há três gerações) como também seu celular. Mas ela acaba encontrando um telefone abandonado no hotel em que está hospedada. Perfeito! Agora os funcionários podem ligar para ela quando encontrarem seu anel. Quem não gosta nada da história é o dono do celular, o executivo Sam Roxton, que não suporta a ideia de haver alguém bisbilhotando suas mensagens e sua vida pessoal. Mas, depois de alguns torpedos, Poppy e Sam acabam ficando cada vez mais próximos e ela percebe que a maior surpresa da sua vida ainda está por vir.



Minha Opinião

Eu estava numa ressaca daquelas, e pensei que um livro da Sophie poderia me ajudar e "foi dito e feito", li freneticamente este livro, gente a Sophie é Diva, seus livros são ótimos, engraçados e é claro de um gênero que eu amo, chick-lits.

Aqui conhecemos a Poppy Wyautt, ela é fisioterapeuta e de cara eu vi que ela é daquelas garotas que não larga o celular pra nada, adora enviar mensagens, e-mails pelo celular e não vive sem ele, o celular é tudo pra ela, praticamente faz parte do corpo, como ela mesma diz. 

Mas algo inesperado acontece, Poppy ganha de seu namorado um anel de noivado, e não é um anel qualquer, ele é da família dele, que passou por gerações e é mega caro, com pedras de esmeraldas :O O pior acontece, ela perde o anel bem na semana que os pais de seus noivos irão vir para conhecê-la. Ela passa o seu número para todos que poderão encontrar o anel, e para completar ela é roubada e fica sem o celular. O desespero bate, mas quase que no mesmo instante ao procurar seu telefone, ela encontra outro celular em um lixo e é aí que a confusão começa.

O celular é de uma empresa, a antiga assistente, que se chama Violet, se demite e vai seguir sua carreira de modelo e acaba jogando no lixo o telefone, Poppy do nada começa a atender as ligações do celular, ate´que conhece o Sam o dono. Ela precisa deste celular e distribui seu numero à todos, e acontece que meio que involuntariamente e por precisar do telefone ela torna-se a assistente de Sam, e começa a passar todas as mensagens, e e-mails para ele. 

Aii Gente, eu preciso dizer que vai rolar algo entre a Poppy e o Sam? É um romance meio que sutil, é algo que começa do nada, devagar, sem que eles mesmos percebam. Esta de troca de e-mails lá pelas tantas passa do profissional para o pessoal, e a história começa a ficar boa, porque mesmo que saibamos que ela é noiva o Sam é tão fofo e parece que combina tanto com ela, que quando eu percebi eu já estava torcendo para ela terminar seu noivado e ficar com ele (suspiros).

Este livro é daqueles que te prende do início ao fim, as páginas meio que passavam sozinhas e quando eu percebi já estava no final e o pior com gostinho de quero mais, queria que tivesse uma continuação. É uma história, leve, engraçada, romântica e nos fisga na primeira página, nos deixa curiosos pelo final, que aliás eu ameiii. :D

Algo que gostei muito neste livro é a troca de e-mails e mensagens entre Poppy e Sam, é muito bom e divertido, além de deixar a leitura muito leve, ameii. Acho que já falei aqui no blog que eu adoro quando encontro isso nas histórias.

Super indico esta leitura, para quem gosta de chick-lits e um bom romance. E também para quem está numa ressaca literária, olhaa este livro faz milagres. rsrsrss Fica a dica*


Obs: Este livro faz parte do meu desafio "Lendo livros da minha estante". Quem quiser ver o post que fiz sobre este desafio veja aqui. 



 

 


12 Comentários

  1. Olá Vanessa,

    Tenho vontade de ler esse livro parece bem legal e também gosto da capa....abçs.


    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Ahhh Sophie Kinsella é diva mesmo! Sempre!

    Adorei a resenha.

    Bjs
    Ni
    http://amordelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Da Sophie eu li apenas Os Delírios de consumo de Becky Bloom (recomendo), e gostei da narrativa, tenho vontade de ler outros... e um deles é Fiquei com o seu Número.
    Letras & Versos

    ResponderExcluir
  4. Ah, esse livro é ótimo e cheio de humor! Sou fã...

    Abraços, Isabela.

    www.universodosleitores.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Nessa,
    Nossa você pode não acreditar, mas ainda não li nada dessa autora, e olha que amo um chick-lit. Bem nem pra falar a verdade acho que ainda nem adquiri um livro dela. Mas espero poder mudar isso na feira do livro aqui da cidade...\o/...beijoaks elis!!!

    ResponderExcluir
  6. Eu sou apaixonada por esse tipo de livro! Ameeeei a resenha e a dica! Quero ler sim! *-*
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Parabéns pela resenha Nessa! Estou ansiosa para ler Fiquei com o seu Número! Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  8. Oi, Nessa!

    Já tinha lido resenhas desse livro antes e deve ser muito bom mesmo! Fico feliz que tenha gostado!

    Beijos,
    Inara
    www.lerdormircomer.com.br

    ResponderExcluir
  9. Adoro livros com trocas de emails!
    Ainda não li esse, mas está na pilha já!
    Beijos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  10. Sniff, infelizmente sou uma das poucas mortais que nunca leu nada da autora, e olha que adoro chick - lit, nem sei como tenho me aguentado de curiosidade até hoje, mas espero que em breve eu resolva isto, hehe.

    Beijo, Van.
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi Nessa, nem acredito que esse livro estava 10,00 reais esses dias e eu não consegui comprá-lo ;(

    Tenho muita vontade de ler algo dessa autora, os livros dela parecem ser tão engraçados e envolventes. Não tem como resistir a esse tipo de romance né?

    Beijos

    Pah, Livros & Fuxicos

    ResponderExcluir
  12. Oi,

    Eu li dois livros da autora e por mais que eu tenha gostado, cheguei a conclusão que chick-lit não é o meu gênero. É um bom divertimento, mas eu não consigo gostar como a maioria das pessoas.

    ResponderExcluir

Não esqueça de deixar seu comentário!