Categorias:


Oi meus queridos! Tudo bem?

Nada mais justo do que terminar a semana com a indicação de um livro instigante, bom e diferente.

Preciso dizer que eu resolvi lê-lo depois de ler uma resenha dele no blog da Jacque (My book lit), e Gentem!! A Jacque me convenceu, como sempre, e eu vi que precisa desse livro. Bora conferir.


A Vingança da Amante


A Vingança da Amante
Sinopse



Sally e Clive viviam uma grande paixão proibida. Por cinco anos, Sally orquestrou sua rotina de jornalista freelancer e mãe de dois filhos para conciliar suas obrigações com os encontros tórridos e casuais com Clive. Daniel, seu marido, nunca desconfiou que a mulher tivesse um caso com um amigo da família. Um dia, sem mais nem menos, o amante resolve pôr um fim ao relacionamento extraconjugal na tentativa de salvar o casamento de mais de vinte anos, mas Sally não aceita o término. Ela fica obcecada pelo amante e não tem ideia de que essa obsessão pode levá-la a um caminho sem volta. A vingança da amante expõe os efeitos colaterais de um caso amoroso de forma perturbadora. 



Adoro pegar livros com premissas diferentes para ler, é bom de vez enquanto dar uma mudada. Desde a primeira vez quando vi essa capa (linda, com essa abelha na rosa) e esse título, fiquei intrigada! Logo que eu o comprei, larguei tudo para lê-lo.

O livro todo é escrito em forma de diário, algo de que gosto muito. Mas ao mesmo tempo achei um tanto cansativa a narrativa, o desenrolar da trama, e tudo mais. A Sally começa escrever no diário como forma de terapia, e nos seus escritos ela se dirige ao seu "ex-amante", o Clive.

É interessante de acompanhar nos escritos de Sally, o quanto a vida dela era "normal", um marido, dois filhos, seus afazeres, e seus encontros com o amante. Conforme vamos lendo, vamos entendo a dor de Sally, está sendo difícil para ela lidar com a separação do seu amante.

Na verdade eu vi Sally como uma louca, gente ela fica totalmente transtornada com essa separação, e nos seus escritos vemos claro a dor e a vingança, chega ser cômico em alguns momentos. Não sei nem como descrever, é algo doentio mesmo.

No diário ela vai nos contando como tudo começou e como chega no ponto que está. O livro é divido nesses dois momentos e um final que não irei contar. Confesso que apesar de fazer uma leitura arrastada eu estava curiosa para saber o que ela iria fazer, e isso me motivou a continuar lendo.

Não sei dizer o certo se gostei ou não da protagonista, mas também não quero julgar seus atos. Seu relacionamento com o amante parece ser "tenso ou intenso". Na verdade eu nem tenho como dizer isso, por que ela se mostra uma mulher totalmente envolvida nesse relacionamento e me parece ter deixado de lado sua família, age como um robô, e o Clive é o centro. Totalmente desequilibrada.

Fiquei pensando que seria interessante ter um segundo livro, mas com a visão de Clive, já que neste não temos como ver exatamente o que ele pensa de verdade, pois vemos mais o ponto de vista de Sally, sendo que ela têm esse comportamento um tanto doentio. Ainda fiquei pensando se foi isso mesmo que aconteceu... (Opa, como assim? Eu heinn, viram minhas dúvidas? hihi)

O que mais me chamou atenção no livro foi a escrita da autora, achei bem elaborada, com frases fortes, impactantes e ao mesmo tempo com uma pitada de humor. Gente, o mel da vingança escorre pelas páginas do livro, a forma que Sally escreve no diário é ilário, gostei muito.

Não quero soltar spoiler, mas Sally fica 15 meses sem escrever no diário, e um belo dia ela volta a escrever e nos revela todo o resto. Ficou curioso?? Leia para saber como tudo termina!!

Não posso dizer que este livro se tornou o meu favorito, mas ele é muito bom e valeu muito a pena. Acho que é o tipo de livro que nos causa um desconforto gostoso e nos tira do habitual.

Indico principalmente para quem quer ler algo diferente! Leiam!!


10 Comentários

  1. Eu adorei esse livro!
    Queria uma final mais trágico, mesmo assim gostei =)
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  2. Oi,miga!
    Quando vi a capa desse livro no Face já pirei logo de cara! Que capa mais linda! E a sinopse é muito instigante. Gostei demais da dica e da sua aprovação. Vou adicioná-lo à minha lista de leituras. Parece ser uma história eletrizante. Quero pra ontem..rs
    Bjs!

    Zilda Peixoto
    http://www.cacholaliteraria.com.br

    ResponderExcluir
  3. O final de sua resenha já me deixou curioso. rsrs Não dá para julgar as atitudes das personagens, mas deve ser interessante acompanhar as mudanças e o motivo de ela voltar a escrever no diário.

    Beijos,
    Ricardo - www.overshockblog.com.br

    ResponderExcluir
  4. oie Nessa
    Esse livro é viciante mesmo , né
    Que legal que você decidiu lê-lo.
    Eu também achei algumas partes arrastadas, mas a curiosidade mor de saber o que a bobinha da Sally iria fazer foi maior. O final foi surpreendente. Eu fiquei horas tentando entender kkkkkkkkkk
    bjos
    www.mybooklit.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É né Jacque, eu também li várias vezes o final.. srsrsr

      Excluir
  5. Eu também gosto muito de livros em forma de diário e nem sabia que este era assim...
    Esta capa é mesmo sensacional!

    Beijo, Van Meiser.

    ResponderExcluir
  6. A capa desse livro é bastante intrigante. Pena que em alguns pontos a narrativa se tornou cansativa.
    Mas fiquei um pouco curiosa para ler :)
    Bjokas

    http://livrosemarshmallows.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi, Nessa!
    Sou apaixonada por essa capa, lindaaaa! Além de que a sinopse é definitivamente instigante. Já cheguei a quase ler esse livro, mas deixei para depois. Ótima dica!

    Beijo

    ResponderExcluir
  8. Gostei da resenha Nessa. O enredo do livro é bem instigante e promissor. Se tiver oportunidade, pretendo lê-lo. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  9. Olá Vanessa,

    Não conhecia esse livro e achei a premissa bem diferente e fiquei curioso, quem sabe um dia eu leia...abraço.

    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Não esqueça de deixar seu comentário!