Categorias:



Todo ano é a mesma coisa: pessoas que reclamam da vida o ano inteiro chegam em Dezembro querendo saber apenas de comprar, comprar, comprar. Pouco dinheiro na carteira é desculpa para colocar tudo no cartão de crédito - método de comprar "no caderno" dos tempos modernos. 

Nos supermercados as pessoas compram mais do que vão comer, isso mesmo, exageram com as desculpas "miséria para mim não tem vez", "não economizo para comer", "prefiro que sobre do que falte", etc. Ok e para essas 3 desculpas faço as perguntas: miséria não tem vez...ok, mas esbanjamento tem?... tudo bem que não economizem para comer mas vocês, imagino, que consomem toda a comida comprada, correto?.... realmente em uma reunião de família ou com amigos é melhor sobrar do que faltar, até eu concordo mass o que sobra é aproveitado nos dias posteriores evitando assim a ida ao lixo do que poderia ser consumido certo?
Resultado de imagem para vendas no natal
Pais se preocupam mais em "entupir" os filhos com brinquedos...ops...hoje em dia não são mais brinquedos, entupir os filhos com Iphone, Smarthphone, Smart não sei mais o que... do que encher eles de carinho, de amor, de horas e horas de conversa sobre os valores da vida, sobre como é ser uma pessoa de caráter. Mas para que ensinar os filhos se a internet ensina tudo? Sim, ensina tudo e mais um pouco, ensina o bom e o ruim, ensina a serem adultos carentes de amor, jovens revoltados por falta de abraços e de um olhar para olhar entre pais e filhos. Adultos na noite de Natal enchem principalmente os mais novos da família com tudo o que eles pediram, ou melhor, com o que eles ordenaram ganhar e os deixam sozinhos sem ter a sensibilidade de sentar junto no chão mesmo e numa união de carinho e amor desvendar os novos "brinquedos". Adultos querem beber com os adultos (que muitas vezes a idade mental é equivalente à criança que está ao lado implorando atenção).  Adultos querem falar mal da vida de todos e principalmente dos chefes, querem desvendar os mistérios sobre "como a vizinha reformou a casa nesse ano de crise? da onde veio o dinheiro?", adultos querem passar mal de tanto comer e beber.

Pessoas em geral gastam o que não tem porque precisammmmmm comprar um presente para a amiga do trabalho, para a mãe, para o pai, para a avó, para o avô, para o primo, para o irmão, para o cachorro, para o papagaio, para o porteiro, para a conhecida da vizinha da prima que mora do outro lado da cidade , compram presentes mesmo não tendo o dinheiro para isso, mas para que serve o cartão de crédito? Presenteiam toda essa turma de pessoas mas que durante todo o ano não se preocuparam em mandar uma mensagem para elas perguntando como essas pessoas estão, as mensagens enviadas (não seremos injustos, mensagens são enviadas)  eram cópias de textos recebidos (tudo pelo Whatsap), textos, vídeos repassados para toda a lista de contatos sem a sensibilidade e educação de dar um bom dia, boa tarde, boa noite antes de enviar aquela imagem, aquele texto, aquele vídeo que se multiplica de maneira apavorante nos celulares do mundo inteiro. Para que saber se a outra pessoa precisa de ajuda em algo? Vaii que precise mesmo e ai quem perguntou vai ter que deixar seu Whatsap de lado para ajudar...que coisa, isso ninguém merece né? Óbvio que quando a situação inverte e é nós com o problema ai sim queremos e exigimos a ajuda de todos ao redor.  São os novos mantras dos tempos modernos: euuuuu quero, eu exijo, eu tenho direitos, eu necessito agora, eu não espero, eu tenho urgência, eu quero para agora nesse exato momento. 
Resultado de imagem para consumo no natal
Deixo claro que não condeno a troca de presentes, eu mesma adorooo mandar presentes surpresas para meus (minhas) amigos (as) que moram longe, adoro chegar em dias aleatórios do ano e dar um mimo para as pessoas que me fazem bem, massss eu não sacrifico meu dinheiro para essa convenção social. Quando não estou numa fase tão propícia financeiramente eu me dou o direito de apenas mandar uma mensagem personalizada, mensagem que eu escrevo pensando na pessoa que irá ler e por isso coloco particulares do ano que convivemos juntos.  O que eu acho condenável são as pessoas gastarem  O QUE NÃO TEM, colocarem em risco as finanças de suas casas, de suas vidas só porque no Natal todo mundo troca presentes. E se acontecer uma emergência na sua casa? Será que aquele dinheiro que você teimou em dizer que era preciso colocar no presente que deu para o conhecido do amigo do seu marido (por exemplo) não seria essencial agora? 

Vejo a maioria das pessoas como zumbis, sim, zumbis que fazem o que a "sociedade" manda, mas a "sociedade" é comandada pelas propagandas, pela televisão, pelo o que dita a mídia e hoje em dia a mídia virtual. Não vamos nos tornar zumbis de Natal, zumbis de consumismo sem freios!! Vamos acordar, vamos pensar sozinhos, vamos valorizar mais o abraço, o carinho, as horas de bate papo com quem amamos, vamos valorizar o simples!!! Quem disse que a simplicidade é ruim? Simplicidade é o que falta nas vidas vazias da maioria das pessoas!!! 

Precisamos respeitar nossos limites financeiros, emocionais e éticos!!  Se não temos dinheiro, vamos dar um cartão; se não gostamos de tal pessoa vamos nos limitar em dar um educado Feliz Natal ou Feliz Ano Novo; se não gostamos do Natal, se para nós não representa o que normalmente representa para as outras pessoas, vamos respeitar nossos valores e não vamos fingir sorriso amarelo em festinhas natalinas. Ninguém é obrigado a nada!! 

Sejamos verdadeiros conosco, sejamos únicos!!

Desejo a todos um acordar de pensamentos e de atitudes, desejo muitos abraços, desejo muito carinho, muitos sorrisos, muitas mãos unidas, muitos olhares de amor e de confiança, desejo que o coração de vocês tome conta do comportamento que terão.... desejo simplicidade.

Resultado de imagem para Feliz natal gif

Feliz Natal à todos que valorizam essa data 
Feliz dia comum à todos que não gostam da festa natalina.


          

38 Comentários

  1. Amei seu ponto de vista, assim, eu odeio todo esse consumismo em cima de datas, seria tão mais simples se os presentes pudessem ser imateriais ou coisas sem precisar gastar tanto dinheiro. Já vi muitas amigas passarem o ano todo economizando para o natal e na hora de entregar os presentes as pessoas ficavam insatisfeitas, agora imagine o que ela poderia ter feito para ela não é? Acho que falta mais o espírito de ajudar ou curtir o momento junto das pessoas, achar o verdadeiro significado da data
    beijos
    lolamantovani.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Tay, concordo plenamente com você, está faltando mais o espírito de ajudar mesmo. Comprar um presente (economizando o ano todo) e a pessoa não gostar é tenso, mas é o que o consumismo desenfreado acaba provocando. Muitas vezes um cartão bem escrito, algumas horas passadas junto com quem amamos, acaba valendo muito mais.

      Excluir
  2. QUE TEXTO MARAVILHOSO! Acho que você postou e escreveu tudo que eu estava pensando, eu era apaixonada por Natal, mais confesso que a cada ano que passa vejo que está data tão especial está perdendo cada vez mais o significado. Hoje tudo está virando um verdadeiro comércio, as crianças não sentem a magia de saber que o papai noel está trazendo um presente, elas são apenas consumidas pela ansiedade de receber o que já sabem que vai ganhar. Um feliz natal. ❤

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Kaila, exatamente isso, a data esta perdendo o significado. A magia em torno da data não existe mais, está virando apenas mais uma data para o comércio faturar...infelizmente.

      Excluir
  3. Amiga, você lacrou nesse texto hein?! Parabéns! Eu concordo plenamente com tudo, que você escreveu aqui. Hoje em dia, todos os feriados se transformaram em uma explosão de consumismo e as pessoas estão esquecendo, que o verdadeiro significado do Natal é o amor, a felicidade e acima de tudo: A Simplicidade. Eu te desejo um Natal abençoando repleto de paz, amor e esperança.
    Mil beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com/2016/12/top-8-novidades-da-semana_22.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Gabi!! Simplicidade é tudo na vida. Duvida que mal acaba o carnaval e o comércio vai entrar na onda da Páscoa? E só o que eles querem, vender, vender, vender. A magia em torno dessas datas não existe mais. bjus

      Excluir
  4. Muito bom e verdadeiro o seu texto. Nessas épocas as pessoas não pensam duas vezes antes de gastar dinheiro. Povo reclama da crise, mas os shoppings estão lotados, e tudo absurdamente caro, pra chegar no dia de Natal e cada um ficar no celular ao invés de interagindo. É a realidade em que vivemos, e dificilmente vai mudar, se não pra pior :/

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Carol !! Bem isso, cada um fica no seu celular e mal conversam. Uma triste realidade que está em nossas mãos mudar. Bjuss

      Excluir
  5. Oi Fernanda, tudo bem?

    Adorei suas reflexões e concordo plenamente com vc, às vezes acho engraçado os pais dizendo que livros são caros e quando chega no natal dão um monte de porcaria de presente!

    Adorei o post! Parabéns!


    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mi, adoreiiii seu comparativo dos pais acharam livros caros mas dão um monte de porcaria que custa muito mais né? Livros...para que livros? :(

      Bjusss.

      Excluir
  6. Olá,Nessa! Como você está? Isso realmente é verdade,as pessoas reclamam o ano todo e o engraçado é que todos os anos que vem chegando elas já estão reclamando,e isso realmente é estressante! Tem pessoas que não gostam de pouca coisa não,pra elas tem que sempre estar numa altura salarial ótima,sempre querem as coisas mais caras e sem contar que também querem entrar na mesma modinha que todo mundo entra. Seu ponto de vista realmente é a realidade e a verdade que precisa ser dita! O natal tem perdido a sua essência,não é mais aquela união e aquela celebração! Agora só a tristezas... Ninguém se importa se vai ficar com dividas ou não,estão querendo ser quem elas não são! Enfim,parabéns por mostrar sua visão sobre o assunto e um bom Feliz Natal pra você.
    Beijos ♡
    | reckless | e Hematomas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Luccas, aqui é a Fernanda... Muito bom seu comentário, adorei. As pessoas em vez de se livrar das dívidas eles fazem questão de ter e de dizer que possuem como se isso fosse um troféu. Precisamos mais falar sobre isso e puxar as orelhas de todos ao redor..se cada um fizer isso dentro de sua casa, acredito sim que as coisas possam melhorar. bjuu

      Excluir
  7. Olá xará.
    Amei seu post.
    Eu por exemplo não comemoro o Natal, não vai ser por isso que vou julgar quem gosta e comemora essas festividades. Acho bacana respeitar e entender a opinião e criação que cada um teve.
    Enfim... amei o texto.
    Quanto as questões financeiras essa época vira um comércio e muitas pessoas acabam colocando "os pés pelas mãos" e se endividam.
    Tem que entender que devemos viver como nossa condição permite não só financeiramente, mas psicologicamente também.
    Boas festas lindona.
    Beijocas.

    meumundosecreto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Nessa,

      Essa coluna quem escreve é eu, Fernanda, hehehe.

      Acho maravilhoso quem respeita a opinião das pessoas, isso esta faltando no nosso mundo.
      Penso que sobre o Natal as pessoas não pensam mais, apenas imitam o que as pessoas do redor fazem... uma triste realidade.

      Bjuuuuu

      Excluir
  8. Olá, Fernanda.
    Infelizmente tudo o que você falou é verdade para a grande maioria das pessoas. Graças a Deus aqui em casa procuramos fazer um pouco diferente, já que o objetivo do natal é celebrar o nascimento de Jesus e isso nem é lembrado pela maioria. Mas fazer o que as pessoas insistem em ser algo que não são e ostentar algo que não tem principalmente no final do ano.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Sil,
      Que alívio saber que vocês agem diferente, isso é muito bom.
      As pessoas gostaram de não pensar por elas mesmas e por isso repetem o que os outros fazem, para quem pensar né? Cansa... :(

      Bjusss

      Excluir
  9. Oi Fernanda, tudo bem?

    Caramba! Estou maravilhada com seu texto, conseguiu captar bem essa época do ano e como as pessoas comportam-se. Compartilho do mesmo pensamento que você. Não me sacrifico com presentes exorbitantes, tenho consciência que meu dinheiro é suado e que as contas não pagam-se sozinhas. Presentiei minha sobrinha com livros, ela tem 3 anos, mas em toda data comemorativa me pede livros e sou muito feliz por isso.
    Natal é uma época muito bonita que deve ser lembrada pelo nascimento de Jesus e não pelo consumismo exarcebbado!
    Parabéns pelo texto, amei!

    Beijos,

    Gnoma Leitora

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Alice!!! Sua sobrinha pede livros? Isso é maravilhosooooo. Precisamos fazer uma força tarefa para que as pessoas abram os olhos e possam buscar a magia do Natal de volta, podemos fazer isso.

      Obrigada pelos elogios, volte sempre.

      Excluir
  10. Oi, Fernanda! Tudo bem? Dia desses mesmo eu tava refletindo a cerca do Natal e cheguei a pensamentos bem parecidos com os seus. Adorei a crônica!

    Feliz Natal

    Abraço

    http://tonylucasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Tony!!

      Fico feliz que mais pessoas pensam como eu.
      Volte sempre!!!

      Grande abraço

      Excluir
  11. Infelizmente, as pessoas costumam atribuir ao Natal o significado do materialismo como a troca de presentes. Parabéns pelo texto! Simplicidade é tudo... Como muitas pessoas insistem em formalidades, procurando quem nunca procurou o ano todo nesta época só para cumprir o "social"... hehehe. Todavia, essa tb é uma excelente época para voltar a procurar pessoas que, por negligência da correria do dia a dia esquecemos de dar o devido valor. É uma boa época para renovar os afetos, fazer as pazes com aqueles parente ou amigo que brigou com vc e refletir sobre os valores da vida. É tb uma boa época para renovar os nossos valores e nossas atitudes para com o próximo, pensando em como amar mais e melhor. O que vale da vida é mesmo amar e a Vida de Jesus foi lição de Amor. Grande abraço! Feliz Natal e um 2017 lindo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá minha amiga linda.
      Falou tudooooo. Nessa época é tão bom procurar quem não procuramos mas que sentimos falta, pedir perdão, assumir os erros, abraçar, amar o outro. No instante que as pessoas valorizarem mais o sentir do que o ter, o mundo vai voltar a ter um pouco de magia.

      Excluir
  12. Gostei da crônica Fernanda. Natal é uma data especial, principalmente pelo real valor do seu significado, mas que acaba muitas vezes sendo ofuscada pelo egoísmo alheio.Feliz Natal e boas festas! Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Vanessa. Obrigada pelo comentário. E que nesse ano o Natal possa ser menos materialista.

      Bjuss.

      Excluir
  13. Oi, Fernanda!
    Realmente, é irritante como as pessoas veem mais o lado lucrativo do que ficar perto de quem você gosta e tudo o mais... Por sorte, tive um natal interessante onde me senti amada por toda a família que estava à minha volta, mesmo que em muitas ocasiões eu não tivesse interesse de estar lá. Espero que com você também tenha sido assim!
    Gostei das ideias e da crônica.
    Beijos,
    Carol | Fantasma Literário
    http://ofantasmaliterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Carol!!

      Se sentir amada, receber carinho das pessoas não tem dinheiro que pague!!

      Aguardo você nos próximos textos.
      Bju grande

      Excluir
  14. Olá!!!!
    Amei seu post...
    Pra mim é importante passarmos essa época com pessoas que gostam da gente sem nenhum interesse....

    Feliz Natal!

    Seguindo seu blog...
    bjs

    http://diariodalulu.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Luciana!!

      Precisamos aproveitar essa época para matar a saudade de quem gostamos.
      Vou conhecer seu blog.

      Grande bju

      Excluir
  15. Realmente é a mais pura verdade, vivemos em um país/mundo capitalista, tudo envolve dinheiro. Todos os atos afetivos pensam que podem ser trocados por presentes =(

    diamanteturquesa.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Diamante Turquesa

      Infelizmente muitas pessoas acham que podem comprar sentimentos..

      Grande bju

      Excluir
  16. Oi, Fernanda! Que texto incrível! Concordo com tudo que você disse. As pessoas cismam em seguir essas convenções só para "agradar" a sociedade sem nem mesmo se importar em dar o presente mais importante: o amor. Esse ninguém pensa em parcelar em 12x né? Beijinhos, Beatriz.

    O Diário de uma Escritora Iniciante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Beatriz,

      Esse agradar a sociedade que me deixa triste, as pessoas estão esquecendo quem elas são para serem o que os outros querem. Bju grande, volte sempre.

      Excluir
  17. Oi, Fernanda!
    Concordo e muito com seu texto. Realmente o Natal perdeu o sentido para a maioria da sociedade, que só quer saber de esbanjar.
    Apesar desse detalhe, eu ainda gosto muito do Natal porque é uma época pra repensar na vida.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe do Natal Literário
    Participe da promoção de três anos de Um Oceano de Histórias
    Participe do Sorteio de Final de Ano

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Luiza, pois as pessoas deveriam fazer como você nessa época: repensar na vida.

      Bjus grande e volte sempre.

      Excluir
  18. Oi Fernanda!
    Um ótimo texto e que traz boas reflexões do que realmente importa nesta data tão especial! Um feliz 2017!
    Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Refletir é o que mais precisamos fazer né Lia? Aguardo seu comentário nas próximas resenhas.

      Excluir

Não esqueça de deixar seu comentário!