Destaques

Newsletter

15 setembro 2017

Crônica: Use, Valorize, Seja Você

Olá leitores, como vocês estão? Estão consumindo tudo o que compram? Ou o armário de vocês está cheio de coisas paradas? 

Hoje quero conversar mais com vocês sobre o uso que fizemos de tudo o que temos no armário.

Sugestões de temas, deixem nos comentários.
E quem quiser seguir a equipe aqui do blog:
@nessaleitora

@cotonho72

@insta.nandarocha





Há! Não esqueçam de clicar no play no final do texto. Boa leitura!!

*****

Use, valorize, seja você

Imagem relacionada
Vinte calças jeans, 15 calças sociais, 28 calças para a academia,  30 shorts, 12 pijamas, 35 pares de sandálias para o verão, 8 pares de botas de cano alto, 10 pares de botas de cano baixo, 7 pares de chinelos...baixinhos, 3 de chinelos altos, 26 paletas de sombra, 47 batons, 18 perfumes, 9 bonês, 10 pares de tênis, 21 pares de sapatilha e .... etc etc

O que é isso Fernanda? Seu guarda roupa? Meu não mas apesar do exagero nos números acima se parece com o guarda roupa de muita gente. E aí eu fico me perguntando: a pessoa consegue usar tudo isso mesmo? Mesmo mesmo?

Esse ano de 2017 esté sendo particularmente transformador para mim e quero dividir isso com vocês, muitas coisas aconteceram mas preferi deixar amadurecer na minha vida para poder dividir aqui, uma delas (assunto do texto de hoje) é: consumo consciente. 

Eu naturalmente comecei a me perguntar se eu usava tudo o que eu tinha (e olha que meu guarda roupa é bemmmm simplório) e como se por um passe de mágica, no Instagram "cai" nem lembro como, no perfil @menosumlixo e consequentemente da @fecortez . Comecei a ler, acompanhar e me identifiquei muito com os pensamentos dela sobre consumo consciente. Quando vi, eu estava não só pensando nesse assunto mas agindo. 

Durante uma semana, um pouquinho cada dia, eu escolhi uma ou mais prateleiras para esvaziar e limpar no meu guarda roupa, falei desse detox em detalhes em postagem do mês passado chamada "Compre, compre, compre, compreeee!! Itens materiais ou leveza? O que deseja?" Enfim, fiz e continuarei fazendo de tempos em tempos. 
Resultado de imagem para limpar guarda roupa tumblr
Depois dessa experiência eu refleti como nós precisamos de pouco, não é uma questão de ter no armário 20 calças jeans que amamos e que demoramos para usar todas, mas de ter 5 apenas e usar muito elas. Só que muitos de nós gostam de ter uma calça jeans, uma ou duas, mais novinhas para quando quiser sair para se divertir,  relaxar com os amigos, tudo bem, dessas 5, 2 para momentos de balada e as 3 para o dia a dia (apenas um exemplo tá pessoal? Não precisam levar como regra esses números). Vi também que não tem nada de mais repetir roupas e que usar cada peça  muitoooo é ótimo, estamos valorizando cada recurso, cada matéria prima que foi tirada da natureza para a fabricação daquela peça. 

Mas porque eu estou falando de novo sobre isso se já falei em texto passado? Em texto passado eu falei do consumismo, ato de comprar demais, aqui quero refletir com vocês sobre o que temos e se usamos tudo o que temos. 

Precisamos tirar de nossas mentes que a roupa que usamos define nosso caráter (pode definir nosso estilo, caráter não), precisamos não achar o fim do mundo repetir a roupa que fomos numa festa semana passada, precisamos não ter vergonha de usar a mesma roupa mais de uma vez na mesma semana, precisamos dar menos valor a casca e mais valor ao conteúdo.  Claro que isso nada tem a ver com falta de higiene, podemos sim usar a mesma roupa durante a semana sendo limpinhos, lavando a roupa sempre que ela estiver suja ou com mal cheirinho, mas desde que ela esteja limpinha, que problemão é esse de não repetir?

Quem sabe a gente reavalie nossa relação com roupas, calçados, bijus, maquiagens, mantendo um tratamento de usarmos o que gostamos de verdade, de manter eles limpinhos e bem cuidados e passamos a valorizar mais nosso comportamento com as outras pessoas? Por exemplo: como tratamos a tia da esquina que encontramos no supermercado de manhã e que, por mais que ela seja quase diretora do jornal local (sempre em busca de notícia nova), nem por isso vamos tratar mal (apenas não satisfaça o desejo dela de fechar a pauta do dia, hehehe), ou o jeito que tratamos nosso colega no trabalho. Sim, vamos pensar em como estamos tratando as pessoas ao redor, além da roupa que usamos, qual é a imagem que estamos passando? Essa imagem condiz realmente com o que gostaríamos de passar ao mundo?
Imagem relacionada
Vamos pensar também em como nós mesmos nos tratamos? Estamos cuidando de nossa saúde? Estamos cuidando de nossa higiene? Do nosso descanso físico e mental? Do nosso lazer? E dos nossos propósitos de vida? Estamos cuidando? 

Ter o suficiente para vivermos sem excessos dá uma leveza imensaaaaaa na alma, uma paz muito grande e ainda faz sobrar dimdim para fazermos aquela viagem dos sonhos, onde vamos colecionar experiências únicas e lembranças. Vamos usar o dinheiro que está indo para encher o armário de coisas que não vamos usar para investir em vivências, em aprendizado, em momentos maravilhosos, em lugares maravilhosos com pessoas ótimas ao lado ou até conosco mesmo apenas. Já pensou em conhecer mais o Brasil? Ou o exterior? Ou para quem não curte viajar, já pensou em conseguir comprar aquele terreno, aquele apartamento? Já pensou em fazer aquele curso que tanto sonha? Em dar os presentes que gostaria? São tantos os sonhos que estão guardados nos corações de cada um de nós e que muitas vezes não são realizados porque damos valor demais ao que usamos, em vez de dar valor ao que somos. 

Vamos ser intensos em tudo que usamos, se compramos um creme corporal por exemplo, vamos usar até o fim, mas se não gostou fale com as amigas, com os parentes e diga: comprei e não gostei, tem sempre alguém que vai querer. Mas o que gostar, use,  use muito, curta muito cada item do armário de vocês, seja feliz com cada peça que mostra um pouquinho do seu estilo, e mostre quem é de verdade através da relação que tem com cada item. 

Cuide mais de seu interior, do que define você.








Comentários via Facebook

7 comentários:

  1. Que texto maravilhoso! Eu acredito, que todo mundo já passou por isso, ás vezes eu abro as minhas gavetas e encontro roupas que eu nem lembrava que tinha. Hahahaha Fazer um limpa no guarda roupas e manter só as coisas que nós realmente usamos é essencial pra ter uma vida mais leve e praticar o desapego.
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/2017/09/top-7-novidades-da-semana_15.html

    ResponderExcluir
  2. Oi Fê, tudo bem?
    Adoreeei o texto, parabéns!!
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
  3. Olá,

    Adorei o post. O texto está maravilhoso e as imagens são lindas.

    Abraços...

    https://submundosliterarios.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Fernanda!
    Sabe que eu lembrei muito da música da Pitty nesse seu texto, porque é algo que eu super acredito e foi aquela música do 'Seja Você' que abriu meus olhos na adolescência. A sociedade sempre impondo padrões e não precisamos segui-los. Não se não quisermos, e temos que ser livres para seguir, caso isso nos faça feliz!
    Adorei o texto da semana.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi
    adorei o poste, eu não tennho tantas coisas, mas as vezes me desfaço de algumas. Semana passada inclusive me desfiz de um sapato e uma bolsa, é pouco mais já faz a diferença.

    http://momentocrivelli.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Olá,

    Adorei o seu texto, com algumas coisas eu acabo exagerando quando compro, já outras sou bem desapegada.
    Preciso melhorar um pouco mais rsrs.
    Bjs
    http://diarioelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Muito bom o seu texto! Na mudança de Santa Maria/RS para Fortaleza/CE, eu doei muitas roupas minhas do armário e me fez um bem enorme. Acredita que eu tinha guardadas roupas do tempo da infância e adolescência que nem serviam mais em mim? Doei tudo e só fiquei com as roupas que eu amo e uso. Me fez um bem enorme e me senti muito aliviada. Foram caixas e mais caixas de doação de roupas e sapatos que fizeram muitas meninas e mulheres felizes por aí. Minha regra é: se passou mais de três meses e você não usa a peça, faça uma doação. Maquiagem eu compro pouco tb e uso até o fim! Gosto de me vestir bem, mas não me considero melhor ou pior do que ninguém por causa das roupas que eu uso. Gosto de usar o que me faz me sentir bem, bonita e em paz comigo mesma... o que tem a ver com a minha personalidade. Não julgo a personalidade das pessoas pelas roupas que elas usam, sempre observo como elas tratam as outras pessoas e qual a "energia" que elas me passam (vc é espiritualista e vai me entender hehehe). Mas, muitas vezes, a roupa é um símbolo da personalidade sim e pode passar muitos sinais sobre comportamento. Exemplo: pessoas que usam roupas muito "vulgares" e curtas... Pode até ser que elas tenham um comportamento bom, mas elas passarão uma imagem ruim. E, geralmente, são pessoas vulgares mesmo com raríssimas exceções. A essência é o mais importante, mas devemos tomar cuidado com a imagem que podemos estar passando em determinadas ocasiões... Uma roupa pode ser fundamental para você conseguir ou perder a vaga de um emprego,por exemplo. Acredito que a elegância é um valor a ser cultivado, mas a elegância principal vem de dentro e tem a ver com gentileza e bondade. Abração!

    ResponderExcluir

Não esqueça de deixar seu comentário!

Instagram

© Diário de Incentivo à Leitura – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in