Destaques

Newsletter

25 dezembro 2017

Resenha: Mil Beijos de Garoto

Oi meus amores, hoje venho comentar com vocês sobre a leitura do livro "Mil beijos de garoto" da autora Tillie Cole, publicado pela Editora Planeta.

Rune e Poppy tornam-se amigos quando eram crianças. Rune mudou-se para a casa ao lado de Poppy, e de imediato a amizade deles torna-se forte. Com o tempo a amizade deles vai se transformando em amor, como se só existe os dois no mundo.

O tempo passa, os dois começam a namorar quando são adolescentes e algo que eles não esperavam acontece, Rune vai ter que voltar para Noruega por causa do trabalho do seu pai. E assim os dois acabam se afastando, mas continuam se comunicando. Mas com o tempo Poppy para de falar com o Rune, e ele não sabe o que aconteceu. Poppy some.

Passam-se dois anos, e a família de Rune retorna da Noruega. Rune está diferente, torna-se insensível, ninguém mais o reconhece, ele mudou muito. Poppy não sabe como será o reencontro dos dois e como explicará seu sumiço, afinal o que aconteceu? 
A narração da história é intercalada entre o Rune e Poppy, algo que gosto muito, pois podemos ver a visão dos dois protagonistas, o que pensam e sentem.

A história é comovente e triste, confesso que eu não sabia que o enredo era tão dramático. Fazia tempos que eu desejava ler este livro, mas nunca havia lido nada sobre ele, a capa me chamava atenção, e eu imaginava que fosse uma história fofinha e romântica. É tudo isso, mas muito triste.

Não posso falar muito sobre a história em si, pois posso entregar o principal da história ou soltar um spoiler e vai acabar com toda graça. 

Não queria dizer isto, mas eu evito ler histórias tristes quando sei que são tristes, neste caso eu não sabia e fui pega de surpresa, acho que por isso me frustrei com a leitura, pois eu imaginava uma outra história. 

Eu gosto de livros para suspirar, me divertir, sorrir, me encantar, e não de livros para chorar ou sofrer. No entanto, este livro passa uma mensagem linda pra vida. E nos faz pensar nas pequenas coisas que às vezes não damos valor.

Apesar das minhas ressalvas, a história é linda, romântica e comovente. Recomendo a Leitura.


Até a próxima❤

Comentários via Facebook

12 comentários:

  1. Oii Nessa

    Eu sou como vc, evito histórias tristes ao máximo, me deixam super deprê e eu sou daquelas que se impressiona, fica pensando durante dias sabe? Enfim, essa dica deixarei passar, acho que não é muito meu estilo no momento.
    As fotos ficaram lindas.

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, Vanessa. Eu justamente sei que esse livro é triste, porque meio que li o final, então sim, sei que vou chorar muito e talvez seja por isso que ainda não li ele. Comprei tem quase séculos mas até hoje está paradinho na minha estante, não gosto de histórias do tipo.
    Beijos
    http://www.suddenlythings.com/

    ResponderExcluir
  3. Olá

    eu acho que já vi pinceladas sobre esse livro e sobre a carga dramática que o mesmo carrega
    sou meio como você: quando sei que é triste, meio que fujo :(

    beijo
    litgrrrl.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Vanessa,
    Eu li esse livro esse ano e foi um dos meus favoritos.
    Chorei muuuuuuuuito, mas valeu a pena. O final... AMEI!
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi Van, por isso tô me prendendo p não ler esse livro
    hhehehehehehehe
    porque sei que vou chorar, sei que vai ser triste...
    Mas ele está na minha lista de leitura de 2018.


    Bjooos
    muitospedacinhosdemim.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi! Todos elogiam o livro, mas ao mesmo tempo dizem o quão triste é. Quero ler e espero que ao menos o final seja positivo. Bjos ❤

    Click Literário

    ResponderExcluir
  7. Olá, Vanessa.
    Diferente de você eu já li várias resenhas falando sobre como esse livro faz chorar, por isso até estou protelando a leitura. Eu até gosto de histórias que me façam chorar, mas tem que estar no momento certo.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  8. Que livro maravilhoso! Não conhecia.
    Ótima resenha e sugestão.
    Beijos.
    https://vinteedoisdemaio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi Nessa, eu evito histórias tristes tb e como já sabia desse enredo eu e esquivei do livro, mas pretendo ler quando eu me sentir preparada para desidratar rsrsrsrsrs

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  10. Oi Nessa!
    Não sou muito de ler histórias tristes,mas gosto de livros que tem uma mensagem para o leitor.
    Quando olhava pra esse capa imaginava um romance mais fofinho e talz,não podia imaginar uma história carregada de tanta carga emocional.
    Pretendo ler em 2018,espero gostar.
    Beijos!

    http://livreirocultural.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Oi Nessa.
    Eu também evito histórias com muito drama e que possam me deixar triste, mas houvi tantos elogios a este livro, que logo que tive oportunidade solicitei para fazer a resenha. Mesmo com todas as lágrimas que derramei, acabei me apaixonando pelos personagens, por suas histórias de vida, e pela escrita da autora. Está entre os melhores que li este ano. Que bom que mesmo com ressalvas você curtiu também.
    Aproveito para lhe deseja um Feliz Ano Novo! Tudo de melhor para você e sua família!
    Bjus
    "Crescer machuca. Crescer exige deixar muitas características pelo caminho. Você não pode crescer e carregar tudo consigo. Ou deixa para trás, ou segue em frente."

    ResponderExcluir

Não esqueça de deixar seu comentário!

Instagram

© Diário de Incentivo à Leitura – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in