Destaques

Newsletter

30 novembro 2018

Crônica

Ritmo de vida: corrido;
Lazer: sem tempo para isso;
Saúde: nem sei, fazem anos que não vou ao médico;
Feliz? O que é isso mesmo?

Muitos de nós está nesse ritmo, correria pura, tudo no automático, saúde se deteriorando e felicidade esquecida. Será que precisamos ser ?

Por mais que a vida esteja corrida sempre podemos tirar 10 minutos no final de semana para analisar cada dia, o que fizemos em cada momento. Tudo é essencial? Tudo precisa ser feito agora?
Em alguns casos basta  mudar a rotina da manhã, basta levantar um pouco mais cedo, basta tomar um café com mais calma. A manhã sendo mais saudável e em paz, o resto do dia muda. 

Não precisamos fazer tudo ao mesmo tempo, um curso de idiomas pode ser adiado se faz faculdade agora, academia todo dia pode ser reduzida para 3 vezes na semana, a ida ao restaurante todos os dias ao meio dia pode ser substituída por uma marmitinha mais saudável.  

O mundo esta ficando doente, nós estamos ficando doentes e precisamos urgentemente rever atividades, rever tarefas diárias que fizemos no automático, precisamos ter um tempo para nós nem que seja no final de semana. Estamos nos afundando em decepções, traumas, medos, orgulho exagerado, queremos que todos ao redor rezem conforme nossa oração, queremos que o mundo se adapte o que achamos que é certo, estamos sempre insatisfeitos. 

Chega!!! Pelo amor de toda a energia boa que existe no mundo! Chega de reclamações, chega de desilusões, chega de ter medo, chega de querer que todos se adaptem ao nosso jeito de ser.

Vamos ser mais tolerantes, vamos se adaptar ao outro e o outro ao nosso jeito, vamos procurar soluções, vamos tirar de nossa vida o que nos puxa para baixo, vamos se afastar de tudo o que não nos faz bem.  Vamos procurar por felicidade e parar de reclamar tanto da vida. 

Fernanda Rocha

Comentários via Facebook

16 comentários:

  1. Meu projeto para o próximo ano é desacelerar um pouco. Vivemos na correria e acabamos só vendo a vida passar sem aproveitar. Precisamos reclamar menos e fazer mais. Mudar o que incomoda. Isso é ótimo!

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá, Fernanda! Realmente, a correria está intensa! Neste fim de ano, senti mais cansaço mental hehehe. Mas, o tempo a gente sempre pode arrumar com força de vontade e jeitinho. Gosto de arrumar um tempinho no meio da correria para ser engraçada e falar com bom humor no cotidiano (pequenos momentos de graça e bom humor mudam todo o dia), meditar, observar o céu e as belezas da natureza e escutar música. 3 minutos escutando uma música que te dá prazer já gera felicidade no dia. Precisamos encontrar prazer nos nossos deveres tb. O ruim do ser humano foi separar lazer e dever e só ser feliz quando chega as férias ou a sexta-feira. Estudar e trabalhar podem trazer felicidade quando fazemos nossas metas com amor e alegria. Tudo depende de nós, da nossa postura diante das metas, do nosso foco e do nosso interior bem arrumado. Confesso que estou em falta com os exames de saúde hehehe, faz tempo que não vou aos médicos (mudei de cidade e os médicos de confiança eu perdi), mas minha saúde está boa e logo vou organizar essa questão. Precisamos ser gratos com nossa boa saúde e não só dar valor a ela depois de perdê-la. Felicidade? Ela nunca está 100% -- Essa é a graça da vida. O 1% de insatisfação é o que nos move. O ser humano é um ser insatisfeito hehehe. 100% só em outro plano da existência... Mas a felicidade é uma escolha nossa também. Podemos ter muitos desafios e, ainda assim, sermos felizes. A felicidade é muito mais interior do que exterior. Há pessoas que tem de tudo na vida e não são felizes, pois suas mentes são ansiosas e ingratas por falta de observação daquilo que há de bom. Sou feliz, porque amo a vida apesar de suas imperfeições e me amo apesar dos meus defeitos. Felicidade tem a ver com amor à vida na minha opinião. E a autoestima e o bom humor também ajudam! Parar 5 minutinhos na correria para observar uma flor, ouvir um pássaro e se encantar com a natureza já basta para revigorar a felicidade. Precisamos nos encantar conosco tb, com a maravilhosa existência dada por Deus e a incrível "máquina" humana que é o nosso corpo. A correria não pode apagar o nosso encanto pela vida. Beijos, Taty.

    *Observação:

    A Colunista Fernanda também escreve para o meu blogue. Confira os textos dela no meu blogue:

    *A importância da Espiritualidade em nossa vida

    https://tatycasarino.blogspot.com/2018/11/a-importancia-da-espiritualidade-em.html

    *A importância da leitura em nossa vida

    https://tatycasarino.blogspot.com/2018/11/a-importancia-da-leitura-na-nossa-vida.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seus comentários sempre ricos em informação e sugestões. Gratidão!

      Excluir
  3. Oi Fernanda,
    Otimismo em primeiro lugar! Vamos sempre amar mais e emanar boas energias ao próximo.
    Adorei o texto, bem nesse clima de final de ano para sermos melhores.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Olá, Fernanda.
    Eu não sou assim graças a Deus. Sempre fui de fazer as coisas no meu tempo e só o que dou conta mesmo. Mas o mundo está assim mesmo, cada dia acumulando mais coisas e querendo que o dia tenha mais horas.

    Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Sil, Precisamos nos livrar de tanta pressão, nos fará bem.

      Excluir
  5. Oi Fernanda,
    Posso dizer que o começo do ano suas palavras me descreveram totalmente, mas no meio do ano resolvi mudar algumas coisas e hoje estou mais ''tranquila'' e olha faz uma diferença enorme em nossas vidas!

    Bjs e um bom fim de semana!
    Diário dos Livros
    Siga o Instagram

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só quem tenta ser mais leve para saber dos benefícios né? Gratidão pelo comentário.

      Excluir
  6. Oi Fernanda, tudo bem?
    O mundo tá tão alucinado que sentimos que precisamos dar conta de tudo. Mas é fundamental apertar o "pause" de vez em quando e focar em nós mesmos.
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  7. Oi, Nanda!
    Minha resolução desse ano foi tentar reclamar menos. Apesar de ter tido uns problemas de saúde, eu acho que consegui.
    Esse fim de ano vou dar um recesso de tudo e cuidar um pouco de mim, sabe...
    Beijos
    Balaio de Babados
    Natak Literário 2018: 5 kits, 10 ganhadores. Participe!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bora partir para mais coisas boas para ano que vem então. Parabéns por ter conseguido concluir sua resolução.

      Excluir
  8. Oi, Fernanda!

    Adorei o texto, e é pura verdade. Vivemos tanto na correria que deixamos de cuidar da nossa saúde física e mental, assim como esquecemos de viver de fato a vida, aproveitando-a e se divertindo.

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Precisamos de equilíbrio né? Gratidão Carol por estar sempre aqui.

      Excluir

Não esqueça de deixar seu comentário!

Instagram

© Diário de Incentivo à Leitura – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in