Destaques

Newsletter

29 junho 2018

Crônica: Sinais

Olá leitores, hoje eu venho apenas com um pedido a vocês: prestem atenção nos sinais...

*****
Sinais

O mundo vai além de prédios, casas, carros, milhões de pessoas correndo nas suas vidas sem tempo, de objetos para serem comprados, serviços para serem consumidos e pagos claro, o mundo vai além do que nossa correria nos permite ver, o mundo tem uma linguagem que poucos compreendem.

Poucas pessoas notam com calma o comportamento das outras, a diferença (ou falta dela) entre as palavras e as atitudes, o jeito que o corpo se  movimenta, a maneira como cada pessoa olha para os outros quando ela acha que ninguém a esta olhando, ninguém nota quando um compromisso nunca dá certo, ninguém nota porque um dia do nada, o carro não pegou de primeira e isso fez ela se atrasar alguns minutos. Será que o carro não ligou de imediato para livrar a pessoa de uma batida? Será que aquele compromisso que nunca dá certo não deve ser repensado ou até repensada as atitudes que as pessoas envolvidas teriam? Será que o significado de palavras escritas valem tanto do que atitudes? Será que a pessoa que te trata com carinho, não olha com desdém para as outras pessoas quando ela acha que ninguém a esta olhando?

Esses são pequenos sinais que muitas vezes deixamos passar, mas se analisando os sinais você pode se decepcionar, o que fará ser levada pelo momento sem o significado verdadeiro? Será que o universo não está mandando sinais para você que não tem percebido? Será que não está na hora de você fazer o que sabe que precisa fazer e está adiando? Será que não está na hora de tomar decisões importantes na sua vida e você tem empurrado com a barriga? Será que você não tem fugido do que gostaria para sua vida mesmo que esse querer irrite muitas pessoas?


O universo nos dá tantos sinais mas desprezamos a maior parte deles, estamos tão envolvidos com nossas vidas agitadas que achamos que podemos adiar decisões, comportamentos, atitudes. Mas não, não podemos adiar nada porque amanhã um de nós pode não estar mais aqui nesse mundo! Acordem pessoal, percebam que não precisamos só de correria mas sim precisamos de uns minutos de silêncio para nos ouvir e ouvir o universo. Precisamos ser mais calmos em conversar ou olhar alguém, as pessoas nos transmitem sinais sem perceberem, e esses sinais podem nos ajudar a tratar elas ou até a nos afastarmos dessas. 

É urgente que consigamos ver que o universo nos dá presentes sim, mas que se não aceitamos, eles podem não ser mais oferecidos à nós. Precisamos ver que se muitas coisas não estão acontecendo em nossas vidas é porque negamos elas em algum momento. Nossas decisões são nossos sinais para os outros, para o universo e dependendo de nossos sinais as outras pessoas e o universo terão atitudes coerentes com nossas vontades, com nossas respostas.

Preste atenção nos sinais dos outros e dos ambientes e não deixem que nada de bom escape das mãos de vocês simplesmente por emitirem sinais errados ao mundo. 


Fernanda Rocha

Comentários via Facebook

11 comentários:

  1. Nós não sabemos mais como apreciar os outros e as pequenas coisas e isso é tão triste! Amei sua reflexão.

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, Nanda!
    Maravilhoso texto!
    Hoje em dia, a vida anda num ritmo tão acelerado que nós deixamos de perceber alguns detalhes.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  3. Oi Nessa,
    A correria, a ansiedade e até mesmo o capitalismo não nos deixa ver esses sinais que você menciona. Costumo dizer que tudo tem um propósito e muitas vezes, só vamos entendê-lo lá na frente. Tomara que sejamos mais pacientes e atentos, porque a vida é bela demais para desperdiçarmos com irritação e desanimo.
    beijos
    https://estante-da-ale.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oi, Nessa!

    Adorei o texto! Deixamos passar despercebido muitos sinais, e tudo por conta da correria da vida e geralmente por tantas coisas passando na nossa cabeça ao mesmo tempo.

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Que texto maravilhoso. Com toda certeza os detalhes são os mais importante!
    Beijos.
    http://vinteedoisdemaio.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Oi Nessa!
    Gostei do texto!
    De fato, ficamos tão envolvidos com nossa correria e dia a dia que esquecemos de olhar para as outras pessoas e os sinais que elas nos enviam.
    Beijos,

    Priih
    <a href="http://infinitasvidas.wordpress.com/“>Infinitas Vidas</a>

    ResponderExcluir
  7. Hey Fernanda! Tudo bom?
    Muito claro e objetivo o seu texto. Eu costumo observar muito as pessoas e as coisas, mas alguns desses sinais podem passar despercebidos por nós, ou podemos até interpretarmos errado por influência do que estamos vivendo ou passando no momento.
    Dá uma passadinha lá no meu blog, tá rolando um sorteio mara de livros e mangás!
    Um abraço,
    miiistoquente

    ResponderExcluir
  8. Olá,

    Adorei o texto, hoje em dia é tanta coisa que as vezes deixamos de lado as coisas importantes que estão do nosso lado e nem vimos.
    Bjs e um bom fim de semana!
    Diário dos Livros
    Siga o Instagram

    ResponderExcluir
  9. Realmente precisamos desacelerar para prestar atenção aos sinais que o universo nos envia, o difícil é de fato parar nessa nossa rotina tão corrida.

    www.estante450.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Adorei a crônica e fiquei aqui pensando, acho que nunca fui de me ligar muito nos sinais. Preciso prestar mais atenção mesmo. Bjs

    www.mayaravieira.com.br

    ResponderExcluir
  11. Olá, Fer! Gosto de observar as pessoas, sou muito observadora e atenciosa. Minha sensibilidade capta detalhes. Devemos tomar cuidado para interpretar bem os sinais e não deixar os medos e os preconceitos alterarem a visão clara sobre eles. Uma regra do budismo e da meditação zen consiste na defesa da mente em estado de observação plena, sem julgamentos e sem interferência de pensamentos e emoções. Também é nosso dever emitir bons sinais ao mundo a fim de evitar erros de comunicação e mal entendido. Pensar antes de agir por impulso é a saída do estado do piloto automático. Beijos.

    ResponderExcluir

Não esqueça de deixar seu comentário!

Instagram

© Diário de Incentivo à Leitura – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in